Português Italian English Spanish

Alunos da rede municipal serão certificados por práticas esportivas no DCTA

Alunos da rede municipal serão certificados por práticas esportivas no DCTA

Durante o ano letivo, os estudantes participaram de atividades esportivas - Foto: PMSJC

Um grupo de 100 alunos do 6º ao 9º ano da Emef Áurea Cantinho Rodrigues, na região central de São José, vão receber nesta quinta-feira (21), às 13h45, no DCTA (Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial), o certificado de participação do Programa Forças no Esporte, uma parceria entre a Prefeitura de São José dos Campos com o DCTA. Durante o ano letivo, os estudantes da rede de ensino municipal participaram de atividades esportivas no contraturno das aulas. Os alunos praticaram basquete, vôlei, handebol, futsal e vivências em modalidades como esgrima, natação, duathlon e visitas em áreas técnicas do DCTA.
As atividades são fruto de um acordo de cooperação entre os programas Forças no Esporte e Escola Ativa, coordenado pela Secretaria de Educação e Cidadania.
O Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial forneceu refeições, materiais esportivos, monitores e transporte interno aos estudantes. A Prefeitura, por meio da Secretaria de Educação e Cidadania, forneceu professores de educação física e apoio pedagógico para a realização das atividades.

Programa Forças no Esporte

Desenvolvido pelo Ministério da Defesa com apoio da Marinha, Exército e Aeronáutica, em parceria com os Ministérios do Esporte, Educação, Desenvolvimento Social e da Secretaria Nacional de Juventude, o Programa Forças no Esporte tem como objetivo promover a valorização pessoal, fortalecer a integração social e a cidadania, além de reduzir riscos sociais por meio do acesso à prática de atividades esportivas e físicas.

O Profesp é destinado às crianças e jovens de ambos os sexos, de 6 a 18 anos de idade, em situação de vulnerabilidade social.

Escola Ativa

Desenvolvido pela Prefeitura de São José dos Campos, por meio da Secretaria de Educação e Cidadania, o Programa Escola Ativa oferece atividades no contraturno escolar, atendendo mais de 3.000 estudantes em 35 escolas do ensino fundamental com idade entre 6 a 15 anos.
Para participar do projeto os alunos devem apresentar bom rendimento escolar, sem ocorrências disciplinares após o início da participação nos treinos. As escolas participantes podem escolher entre futsal, handebol, vôlei, basquete, judô, xadrez, ginástica rítmica, ciclismo, atletismo e tênis. O objetivo é que, até 2020, todas as escolas sejam envolvidas, totalizando cerca de 6.000 estudantes no Programa Escola Ativa.